Os agravantes na crise econômica em Santa Catarina

Em Santa Catarina, a crise econômica mundial teve alguns agravantes. Não bastassem a alta dos juros e as transformações no índice de desemprego, as recentes chuvas conturbaram ainda mais a vida financeira dos catarinenses.

Segundo, Doralice da Conceição Pereira, 40 anos, auxiliar de serviços gerais da Univali, os produtos de sua cesta básica tiveram uma certa diminuição de itens em 2009. “Sinto falta do churrasquinho dos domingos com minha família”. Sua colega de trabalho, Laudicéia das Graças, 34 anos, diz que sempre pôde fazer o “sacolão”, mas isso também mudou. “Hoje eu não tenho mais diversidade em frutas e verduras em casa, mesmo com o aumento de 50 reais no meu orçamento familiar”.

O setor de moradia também foi abalado pela crise com o recente aumento de aluguel. Foi o caso da auxiliar de cozinha, Maria Madalena Costa, 39 anos, funcionária da lanchonete Big Pizza, em Itajaí, que até meados de março deste ano pagava R$ 315, 00 de aluguel por sua moradia. Ela acaba de ser notificada de que o valor terá um aumento de quase 24%.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s