Caco Barcellos fala de violência e jornalismo em Blumenau

012a“Devemos estar atentos para atuar onde os outros não atuam”. Este é um dos ingredientes para a receita de sucesso do programa Profissão Repórter segundo o seu idealizador, o jornalista Caco Barcellos. Alunos e professores de Jornalismo da Univali e de outras universidades da região lotaram o ginásio do campus 1 da Furb nesta quarta-feira, dia 29 de abril, para ouvir as observações do jornalista da Rede Globo de Televisão sobre mídia, violência e o público. Barcellos lembrou que ao contrário do que o jornalismo costuma afirmar, é o Estado e não os “bandidos” que mais matam no Brasil e arriscou uma comparação com a pena de morte. Aqui, segundo ele, o julgamento é sumário, sem direito a nada a não ser a execução. “Lá nos Estados Unidos pelo menos tem julgamento, o sujeito é preso, espera por justiça”, afirmou ressalvando que é contra a pena de morte. No Brasil prevalece a lógica da bala de fuzil. A promoção do evento dialogos universitários é da Souza Cruz.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s